Foto: Engenharíadas Paranaense

Salve Integraê, hoje o papo é sobre algo sério e MUITO positivo que rola nos jogos universitários: as doações e benfeitorias feitas à cidade-sede!

No feriado de Corpus Christi, aconteceram os dois maiores jogos universitários do Paraná: o Engenharíadas Paranaense e o Jogos Jurídicos Paranaense, sendo o primeiro sediado em Umuarama-PR e o segundo em Cascavel-PR. Os jogos buscaram principalmente promover o esporte e integração entre os membros de diferentes faculdades do Paraná e de atléticas convidadas do Mato Grosso do Sul, porém, os eventos não pararam por aí! Os jovens aproveitaram esse movimento intenso de universitários nas cidades-sede para fazer o bem!

Nas festas noturnas, organizadas pela empresa parceira Euphoria Eventos, foram arrecadados alimentos para serem doados à instituições locais no fim do evento. Já faz tempo que a doação é obrigatória na entrada de cada uma das 3 festas dos dois jogos e essa se tornou umas das melhores tradições para os jovens que frequentam as festas. Em 2019, o sucesso desse movimento foi de outro mundo: juntos, o Engenharíadas Paranaense e o Jogos Jurídicos Paranaense arrecadaram 21 TONELADAS DE ALIMENTOS! Sério! E tudo isso foi dividido em mais de 15 instituições de caridade de Umuarama e Cascavel! Lindo de ver <3

Foto: Engenharíadas Paranaense

Alaíce Fabris, membra da Associação Atlética de Engenharia da UTFPR Toledo há 7 anos, nos contou um pouquinho do que acha desse costume dos jogos: “o bem começa na escolha! Por que falo isso? Porque quando você escolhe um alimento para levar na entrada da festa e trocar pelo seu vale, você está atingindo alguém que além de precisar muito, depende da sua escolha pra alimentar quem sabe, uma família! O sentimento de poder me divertir e ainda ajudar o próximo não tem preço! Toda vez que vou a uma festa aonde tenho essa possibilidade de fazer o bem, fico grata e penso o quão bom é, poder ter acesso às festas, poder curtir com meus amigos, e sair de lá tendo feito a minha parte! Mais do que isso, não tem coisa melhor do que ver noticiais relacionadas aos jogos, e a doação de alimentos, já que muitas vezes só coisas atípicas aparecem. Boas ações assim fazem os jogos e atinge quem também só vai as festas, sendo um dos melhores retornos que podemos deixar para a cidade”.

Sensacional, né não? Mas não é só a galera da Engenharia que curte fazer o bem não! Amanda Lauer, ex-presidente da Associação Atlética Direito UEPG não esconde o quando admira essa atitude da galera do Jogos Jurídicos Paranaense: “JJPR é festa mas não é só festa nãoooo!!! Durante os dias de competição e principalmente durante as festas, a galera malmente percebe tudo que gira em torno desse evento, mas tem muita coisa bacana rolando nos bastidores! O tanto de emprego que o JJ gera nos meses anteriores e nos dias da competição é uma prova disso! Outra prova é o TANTO de alimento que é arrecadado durante as festas do Jogos! Ver as fotos que a organização posta com as toneladas de alimentos depois de tudo dá até um quentinho no coração! ♥ Em cada open bar o pessoal levava um quilo de alimento ou entregava um valezinho que seria usado pra esse fim no pós festa, então mesmo sem perceber nós acabamos ajudando um tantão de gente que precisa depois dos Jogos!”.

E além disso tuuuudo, ainda observamos mais pontos positivos pros jogos, pensando no financeiro das cidades. Durante os feriados, normalmente a galera viaja, ou fica mais em casa, diminuindo o movimento no comércio, restaurantes e outros estabelecimentos, porém, essa não foi a realidade de Umuarama e Cascavel no último feriado! O que vimos foram os jovens consumindo e girando muuuuuita grana pras cidades-sede, principalmente nas padarias, lanches, pizzarias e outros restaurantes, afinal, se tem uma coisa que jogar o dia todo dá é FOME! HAHA Também tivemos hotéis, postos de combustível, bares, shoppings e outros beneficiados. Foi muito legal!

É isso, galera! Fica aqui a admiração do Integraê pela organização e pela disposição de todos em ajudar quem mais precisa! É muito importante termos consciência que os jogos não fazem o menor sentido se não promoverem o bem e ajudarem as cidades-sede de alguma forma, afinal, elas nos recebem com as melhores intenções e muito carinho.

Até a próxima! <3

Quer saber mais sobre o tema? Bora lá:

O papel social que as Atléticas fazem!

O que acontece nos jogos universitários?

Qual a função de uma associação atlética acadêmica?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here