Aos pés da serra da Canastra, Passos, a cidade sede do EM2017, sempre fez muito frio em junho. Mas não para os mais de 6 mil universitários que estão na cidade para competir nos jogos e se divertir nos eventos. Para eles o clima está quente em todos os sentidos.

A medida que a tabela vai se afunilando, a rivalidade das quadras saem das linhas demarcatórias e ganham até as festas. Antigos oponentes tradicionais revivem suas diferenças dentro e fora do jogo.

Foi o caso ontem do CEFET e da UFMG. No segundo dia dos jogos, as duas maiores rivais do EM se encontraram nas quartas de finais do Basquete Masculino, Hand Feminino e Futsal Masculino. No Handebol as garotas da UFMG levaram a melhor, e se classificaram para a semi final por 12 a 11, num dos jogos mais apertados da rodada. No Basquete masculino o clima também esquentou mas o CEFET levou com mais folga por 40 a 19. O bicho pegou mesmo no Futsal Masculino num jogo tenso e apertado, as duas torcidas não pararam um segundo com as musicas ensaiadas, as baterias e os gritos de oposição. Teve até expulsão de jogador da UFMG quase no final do jogo esquentando Ainda mais a torcida e os jogadores. O CEFET se classificou para a semi-final por 2 x 1 causando uma comoção geral na quadra. Segundo o ala esquerda do CEFET Matheus Jamal, que está há dois anos no time, essa rivalidade se dá principalmente porque são as duas únicas universidades federais em BH. Ele Ainda pontuou que as duas equipes estavam num nível técnico muito alto e que o CEFET só venceU pois aproveitou melhor as oportunidades de contra-ataque.

Esse clima de Competicao se estendeu para a festa, e o CEFET puxou a galera da festa inteira para gritar escarnios para a UFMG. O clima tenso só cessou quando o Tomate entrou no palco e toda sua goodvibe tomou conta das tendas da festa.
Acompanhe mais detalhes no vídeo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here