As Ligas são ambientes únicos para as atléticas. Muito peculiares, cada Liga é adaptada a sua realidade (como escrevi no meu primeiro texto como colunista, que vocês conferem bem aqui), fazendo com que seja difícil fazer generalizações. Uma, no entanto, é possível de ser feita: saber lidar com a liga é certeza de crescimento e sucesso para a atlética. Por que isso? Porque é na liga que as maiores decisões do ambiente esportivo no qual você e sua atlética estão inseridos são tomadas. Modelo de jogos, cidades-sede, punições, repasses, revisões de estatuto… Tudo passa pela liga, que tem (ou, em alguns casos, deveria ter…) a palavra final. Se você quer que sua atlética cresça e quer ter sempre os melhores resultados nessas reuniões, tem que entender o seguinte:

A) Todas as ligas são espaços políticos. Não no sentido direita/esquerda, mas note que são ambientes em que há várias opiniões, vários interesses conflitantes e ganha quem tiver maioria. Qualquer semelhança com o Legislativo não é mera coincidência. Há votações que não fazem grande diferença para muitas atléticas, mas para você é crucial. Fazer sacrifícios para ajudar e ser ajudado quando precisar é o caminho para tentar maximizar os bons resultados. Entender que a Liga tem suas necessidades e colaborar com a mesa diretora também é importante para poder colher bons frutos. Saiba medir isso, afinal é bem tênue a linha entre a cooperação e a corrupção.

B) Saiba escutar. A Liga é um lugar de ideias e todas devem ser ouvidas. Claro que nem tudo o que é falado em reunião é bom ou útil para você, mas é sempre enriquecedor ouvir o que dizem e tentar entender o ponto de vista de quem fala. É um espaço com diversos representantes de associações como a sua, cada uma com seus êxitos e suas falhas, que podem te indicar os caminhos que mais deram certo para elas (e que você pode aproveitar).

C) Exponha seu ponto de vista. Por ser um espaço onde decisões são tomadas, é válido que haja uma pluralidade de pontos de vista diversos. O debate é essencial para que as melhores decisões sejam tomadas. Se você acredita que o melhor caminho a ser tomado é X, expresse isso em reunião. Mesmo que os demais presentes discordem de você, sua ideia pode trazer uma nova visão sobre o problema a ser resolvido ou mesmo ajudar a construir um encaminhamento.

D) Conheça as regras (e faça valerem). Estatutos e Regimentos não existem à toa. Conhecer as regras é essencial para que tudo corra bem. É muito chato falar isso, mas é a realidade: desconfie de quem estabelece o que pode ou não. Muitas vezes, meias verdades e truques linguísticos são utilizados para poder autorizar o proibido, proibir o autorizado, vetar pontos de pauta ou até para mudar decisões tomadas por maiorias. Essa manipulação vai sempre estar presente, ainda que em menor intensidade. Questione, entenda o que está acontecendo, pressione. Lembre-se que, mesmo que hoje não seja com sua atlética, permitir malabarismos como esses é prejudicial para todos (menos pra quem combinou de fazê-lo) e a próxima vítima poderá ser sua atlética. Ressalto aqui que nem todos fazem isso por maldade, mas há aqueles que buscam cargos nas ligas para defender seus próprios interesses. São normalmente diretores de atléticas influentes, que buscam “cargos de menor importância” e monopolizam os trabalhos da mesa diretora para poder garantir que tudo saia conforme seu próprio planejamento. Ressalto: são exceções, mas pessoas costumam trazer mais problemas que benefícios. Não deixe que tomem das atléticas o espaço que elas têm para construir e agregar a esse movimento tão maravilhoso que só cresce no pais! Faça valer as regras que foram acordadas entre as associadas e estão disponíveis para todas no estatuto.

Essas são algumas dicas que gostaria de ter ouvido quando comecei a frequentar reuniões de ligas. Apesar de serem espaços maravilhosos, que te permitem conhecer pessoas únicas, é preciso estar sempre atento para não ser passado para trás. Muitos jogos no Brasil inteiro já tiveram o campeão decidido em votações de reuniões arbitrais, muitas multas são revertidas em recursos. Trace sempre uma estratégia para alcançar seus objetivos e conheça seus direitos para se defender de injustiças. Sua atlética e a liga da qual vocês fazem parte agradecem.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here